Autenticidade - O que Realmente Querem os Clientes

JAMES H. GILMORE, B. JOSEPH PINE II (Autor) GILMORE, JAMES H (Autor) Lançamento a 1 janeiro 2010 Edição em Português
    Autenticidade - O que Realmente Querem os Clientes_0
    Autenticidade - O que Realmente Querem os Clientes
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento 01/01/2010
      Editor Actual Editora
      Coleção Coleção harvard

      Ver todas as características

    • Nesta obra, de cariz prático e provocador, James H. Gilmore e B. Joseph Pine II definem o que significa autenticidade para o consumidor pós-moderno e como as empresas podem tornar as suas ofertas "realmente verdadeiras". Num mundo cada vez mais conduzido pela experiência, os consumidores anseiam por aquilo que é autêntico. Existe um paradoxo da Economia da Experiência: quanto mais planeado parece o mundo, maior a exigência pelo que é verdadeiro. À medida que a realidade é preparada, alterada e comercializada, os... Ver mais

    • Stock esgotado

      Indisponível em loja

      Levantamento gratuito

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Mais Informações Autenticidade - O que Realmente Querem os Clientes

    Nesta obra, de cariz prático e provocador, James H. Gilmore e B. Joseph Pine II definem o que significa autenticidade para o consumidor pós-moderno e como as empresas podem tornar as suas ofertas "realmente verdadeiras". Num mundo cada vez mais conduzido pela experiência, os consumidores anseiam por aquilo que é autêntico. Existe um paradoxo da Economia da Experiência: quanto mais planeado parece o mundo, maior a exigência pelo que é verdadeiro. À medida que a realidade é preparada, alterada e comercializada, os consumidores respondem ao que é envolvente, pessoal, memorável - e, acima de tudo, autêntico. Se os consumidores não consideram verdadeiro o produto oferecido, a empresa será marcada como não autêntica - falsa! - e corre o risco das vendas caírem. Ao satisfazer a procura do consumidor por autenticidade - em todo o tipo de ofertas - conquista-se o coração, a cabeça e o poder de compra. Do Starbucks à Geek Squad, de Veneza ao The Venetian, esta obra analisa o sucesso das empresas que se identificam com as auto-imagens e os desejos dos seus consumidores.

    Características detalhadasAutenticidade - O que Realmente Querem os Clientes

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Autenticidade - O que Realmente Querem os Clientes

    Condições de Utilização