Branco no Branco / Contra a Obscuridade

Eugénio de Andrade (Autor) ANDRADE , EUGENIO (Autor) Lançado em outubro de 2015 Edição em Português
    Branco no Branco / Contra a Obscuridade_0
    Branco no Branco / Contra a Obscuridade
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento outubro 2015
      Editor Assírio & Alvim

      Ver todas as características

    • Este volume reúne dois livros de Eugénio de Andrade, escritos já em plena maturidade poética do autor: «Branco no Branco», de 1984, e «Contra a Obscuridade» de 1988. Como nos diz António Carlos Cortez, no prefácio que escreveu para esta edição, «Dos ecos que se propagam de Branco no «Branco · Contra a Obscuridade» para a nossa própria leitura, vale a pena ver como vibram nas páginas finais desta reunião certos flashes que dão conta do estado último a que esta escrita chegou: um estado de máxima depuração, uma depuração que... Ver mais

    • Vendido pela Fnac  10,98 €
    •   1 usado ou recondicionado desde 7,25 €
    • Todas as ofertas
      • 7,25 € Custos de envio +2,99 €
        Disponível
        Segunda mão - Em muito bom estado
        Pro
        Kaligrama
        (312)
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Descrição Branco no Branco / Contra a Obscuridade

    Este volume reúne dois livros de Eugénio de Andrade, escritos já em plena maturidade poética do autor: «Branco no Branco», de 1984, e «Contra a Obscuridade» de 1988. Como nos diz António Carlos Cortez, no prefácio que escreveu para esta edição, «Dos ecos que se propagam de Branco no «Branco · Contra a Obscuridade» para a nossa própria leitura, vale a pena ver como vibram nas páginas finais desta reunião certos flashes que dão conta do estado último a que esta escrita chegou: um estado de máxima depuração, uma depuração que não deixa de ser um assumir da imperfeição de todo o objecto, pois que a poesia é um processo a fazer-se, "labor limae" infindável.»

    Características detalhadasBranco no Branco / Contra a Obscuridade

    OUTRAS OBRAS de Eugénio de Andrade

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Branco no Branco / Contra a Obscuridade

    Condições de Utilização
    5/5
    • 1
      0
    • 2
      0
    • 3
      0
    • 4
      0
    • 5
      1
    Opiniões Verificadas
    5 Obra de maturidade Publicado em 03 abr 2019

    Quem for já leitor iniciado de Eugénio de Andrade, encontra aqui uma obra em que a linguagem que tem vindo a acompanhar chegou a um nível de depuração e rigor extraordinários. Sem que isso afaste Eugénio da nomeação das coisas (aparentemente) simples: as alegrias, as dores, a melancolia. O prazer da poesia, música como água a correr.


     Este comentário foi útil?

    Ver também