César e Cícero

António Roma Torres (Autor) Lançado em outubro de 2016 Edição em Português
    César e Cícero_0
    César e Cícero
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento outubro 2016
      Editor Afrontamento

      Ver todas as características

    • “César e Cícero” reúne três peças em um acto através das quais se tenta entender o papel complementar e ao mesmo tempo antagónico que no final dos seiscentos anos da República de Roma desempenharam os seus dois principais protagonistas políticos: César, cônsul em anos sucessivos e general que estendeu o domínio romano sobre um imenso território, e Cícero, orador insigne e jurista em cujo pensamento ainda hoje se funda a ordem jurídica de muitos estados modernos. “Até quando?” é um diálogo posterior à primeira eleição de... Ver mais

    • Vendido pela Fnac  
    • 1 novo desde 11 €  
    • Todas as ofertas
      • 11 € Custos de envio +2,99 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        Gomes Books
        (11404)
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • Levantamento
      gratuito em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Devoluções
      gratuitas em loja

    Mais Informações César e Cícero

    “César e Cícero” reúne três peças em um acto através das quais se tenta entender o papel complementar e ao mesmo tempo antagónico que no final dos seiscentos anos da República de Roma desempenharam os seus dois principais protagonistas políticos: César, cônsul em anos sucessivos e general que estendeu o domínio romano sobre um imenso território, e Cícero, orador insigne e jurista em cujo pensamento ainda hoje se funda a ordem jurídica de muitos estados modernos.

    “Até quando?” é um diálogo posterior à primeira eleição de César como cônsul, cargo que Cícero ocupara quatro anos antes, e debate a proposta de uma aliança que ficou conhecida como o primeiro triunvirato – marca a esperança de uma nova geração que ascende ao poder e interpreta a herança dos valores que recebeu. “Brindisi” tem o nome da cidade italiana em que ambos se reencontram, no regresso de César do Egipto após a derrota de Pompeu, com quem Cícero se aliara na guerra civil que os opôs – expressa a desilusão e o cansaço de oposições que se apresentam estéreis mas se tornam difíceis de abandonar.

    “Um homem para a morte” é o monólogo de Cícero, morto já César, quando espera os enviados de Marco António que o assassinarão – caracteriza a responsabilidade perante o juízo do futuro quando tudo parece ter sido já jogado. Mas os dilemas políticos das estratégias de poder e dos princípios que pretendem afirmar são provavelmente os mesmo de sempre e repetir-se-ão de geração em geração.

    Características detalhadasCésar e Cícero

    • Autor António Roma Torres
    • Editor Afrontamento
    • Data de lançamento outubro 2016
    • EAN 978-9723614589
    • ISBN 9789723614589
    • Dimensões 14,5 x 21 cm
    • Nº Páginas 176
    • Encadernação Capa mole

    OUTRAS OBRAS de António Roma Torres

    Ver também