Crateras

Gastão Cruz (Autor) Lançado em janeiro de 2001 Edição em Português
    Crateras_0
    Crateras
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento janeiro 2001
      Editor Assírio & Alvim
      Coleção Poesia Inédita Portuguesa
    • Gastão Cruz (n. 1941), poeta e ensaísta, foi um dos animadores da colectânea "Poesia 61". Desde o seu primeiro livro, "A Morte Percutiva", publicado aos 19 anos, que a sua escrita evidencia um grande rigor de linguagem, que Maria Alzira Seixo define assim: "a sua secura lírica (...) é quase sempre cortada por velada ironia e reduções de tipo frásico ou semântico (...) e por um messianismo vocabular que encara a palavra como invenção do mundo."

      "Crateras", o seu livro mais recente, foi distinguido com o Prémio D. Dinis,...
      Ver mais

    • 10 €
      9 €

      Apenas 1 em stock

      Recebe numa morada a partir de 30 €

      Ver stock em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • Levantamento
      gratuito em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Devoluções
      gratuitas em loja

    1 oferta especial Crateras

    • Vantagem Aderente: 10% Desconto imediato
    10% desconto imediato em livros
    O Cartão Fnac dá-te 10% desconto imediato sobre o preço de editor, não acumulável com outras promoções.

    Avaliação da FNAC

    Gastão Cruz (n. 1941), poeta e ensaísta, foi um dos animadores da colectânea "Poesia 61". Desde o seu primeiro livro, "A Morte Percutiva", publicado aos 19 anos, que a sua escrita evidencia um grande rigor de linguagem, que Maria Alzira Seixo define assim: "a sua secura lírica (...) é quase sempre cortada por velada ironia e reduções de tipo frásico ou semântico (...) e por um messianismo vocabular que encara a palavra como invenção do mundo."

    "Crateras", o seu livro mais recente, foi distinguido com o Prémio D. Dinis, da Casa de Mateus, e Fernando Pinto do Amaral, poeta e ensaísta que integrava o júri que premiou a obra, referiu-se-lhe assim: "Começando a percorrer estas "Crateras", nota-se desde logo que uma parte considerável do livro consiste num roteiro pessoal, numa viagem de regresso à infância, arrastando consigo imagens e sons, ecos e reflexos, paisagens geográficas e humanas graças às quais se configura um universo entretanto degradado ou perdido, essa "vã cidadezinha" ou "pequena cidade da infância" onde o sujeito já não pode voltar, mas que se reconstitui através daquilo que se propaga no tempo e se repercute no presente."

    Opiniões dos nossos clientes Crateras

    Sê o primeiro a dar
    a tua opinião sobre este produto

    Dar opinião ✔ A tua opinião foi gravada

    Características detalhadas

    Autor

    Gastão Cruz

    Data de lançamento

    janeiro 2001

    EAN

    978-9723706000

    ISBN

    9789723706000

    Dimensões

    14,5 x 20,5 cm

    Nº Páginas

    96

    Encadernação

    Capa mole