Fanny Owen

Agustina Bessa-Luís (Autor) Lançado em outubro de 2012 Edição em Português
    • Fanny Owen_0
    Fanny Owen

    Venda o seu Fanny Owen com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento outubro 2012
      Editor A Bela e o Monstro
      Coleção Klassicos

      Ver todas as características

    • “Escritora torrencial, com mais de meia centena de títulos espraiados por romance, crónica, teatro, conto, biografia. Norteada por uma intuição irracionalista peculiar, Agustina Bessa-Luís tem, como motivos angulares da sua obra. O sentido da vida e da morte e os enigmas do ser, o que lhe imprime uma dimensão universalista, independentemente da evocação dos espaços rurais nortenhos ou do Porto burguês
      (...)
      Fanny Owen (1979), trata duma história eminentemente romântica envolvendo um triângulo amoroso, rapto, abandono,...
      Ver mais

    • Stock esgotado

      Indisponível em loja

      Levantamento gratuito

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Descrição Fanny Owen

    “Escritora torrencial, com mais de meia centena de títulos espraiados por romance, crónica, teatro, conto, biografia. Norteada por uma intuição irracionalista peculiar, Agustina Bessa-Luís tem, como motivos angulares da sua obra. O sentido da vida e da morte e os enigmas do ser, o que lhe imprime uma dimensão universalista, independentemente da evocação dos espaços rurais nortenhos ou do Porto burguês
    (...)
    Fanny Owen (1979), trata duma história eminentemente romântica envolvendo um triângulo amoroso, rapto, abandono, despeito, ciúme e vingança, morte por tísica e por desgosto, suicídio. Fanny corporizará o estereótipo romântico da mulher angelical e demoníaca, com uma força de atração irresistível que desperta paixões devastadoras. É uma espécie de símbolo erótico, vazia de alma, manipulada pelos dois pretendentes (José Augusto Pinto de Magalhães e Camilo Castelo Branco), enquanto veículo de desejo, de domínio e de paixão.”
    Isabel Pires de Lima

    Características detalhadasFanny Owen

    OUTRAS OBRAS de Agustina Bessa-Luís