Furriel Não é Nome de Pai

Catarina Gomes (Autor) Os Filhos que os Militares Portugueses Deixaram na Guerra Colonial Lançamento a 25 maio 2018 Edição em Português
    • Furriel Não é Nome de Pai_0
    Furriel Não é Nome de Pai
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento 25/05/2018
      Editor Tinta da China

      Ver todas as características

    • «Filhos do vento»: as crianças que os militares portugueses deixaram na Guerra Colonial. Chamavam «resto de tuga» a Fernando e ele não percebia porquê; Adulai era acusado de tudo pelos irmãos e era sovado todos os dias pelo padrasto por ter nascido com a pele mais clara; e os gémeos Celestina e Celestino guardam, aos 40 anos, uma fotografia desbotada de um jovem militar que não os quer conhecer, nem com o incentivo da «Exma. Mana» portuguesa. Foi para ir atrás destas histórias que Catarina Gomes partiu para a Guiné-Bissau... Ver mais

    • 16,90 € 15,21 €

      Apenas 2 em stock

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial Furriel Não é Nome de Pai

    • Plano Nacional de Leitura
    EXCLUSIVO ONLINE: 10% desconto em livros do Plano Nacional de Leitura.

    Mais Informações Furriel Não é Nome de Pai

    «Filhos do vento»: as crianças que os militares portugueses deixaram na Guerra Colonial.

    Chamavam «resto de tuga» a Fernando e ele não percebia porquê; Adulai era acusado de tudo pelos irmãos e era sovado todos os dias pelo padrasto por ter nascido com a pele mais clara; e os gémeos Celestina e Celestino guardam, aos 40 anos, uma fotografia desbotada de um jovem militar que não os quer conhecer, nem com o incentivo da «Exma. Mana» portuguesa.

    Foi para ir atrás destas histórias que Catarina Gomes partiu para a Guiné-Bissau em 2013, levando na mala um dos maiores tabus entre os militares portugueses: os filhos da guerra, crianças que ficaram para trás depois da Guerra Colonial, e que chegaram ao mundo como filhas do «inimigo» e condenadas a não conhecer os pais.

    Além do círculo masculino de silêncios que os mantém afastados, estes filhos africanos são também ignorados pelo Estado português, que nunca fez um esforço por conhecer a dimensão desta realidade ou por lhes garantir quaisquer direitos. Estão há anos em busca de uma identidade perdida, mas esta é a primeira vez que alguém conta a sua história.

    «Os filhos nascidos da guerra sofrem com a falta de conhecimento em relação aos seus pais biológicos. Os governos, assim como as instituições nacionais e internacionais, são incentivados a pôr de pé medidas que garantam o seu direito à identidade e, tanto quanto possível, a conhecerem os seus pais.»
    Recomendação da organização internacional Chibow: Children Born of War

    Características detalhadasFurriel Não é Nome de Pai

    • Autor Catarina Gomes
    • Editor Tinta da China
    • Data de lançamento 25/05/2018
    • EAN 978-9896714369
    • ISBN 9789896714369
    • Dimensões 14 x 21 cm
    • Nº Páginas 224
    • Encadernação Capa mole
    • PNL Idade 15-18 anos
    • PNL Idade Maiores de 18 anos
    • PNL Nível de Leitura Leitura Mediana
    • PNL Nível de Leitura Leitura Autónoma

    OUTRAS OBRAS de Catarina Gomes

    Ver também