Sem Porquês - CD

    • Sem Porquês - CD_0
    Sem Porquês - CD

    Venda o seu Sem Porquês - CD com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • 11,90 € 9,99 €

      Em stock online

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Características detalhadasSem Porquês - CD

    • Intérprete Manuel Guerra
    • Editor MG
    • Ano de Edição junho 2018
    • Número de Discos 1

    OUTRAS OBRAS de Manuel Guerra

    5/5
    • 1
      0
    • 2
      0
    • 3
      0
    • 4
      1
    • 5
      3
    5 Um discos dos bons! Publicado em 18 set 2018

    Histórias de quem está bem com a vida, mas também de alguém que de quando em vez se amargura. A genuinidade abunda neste disco, com canções bem escritas e bem tocadas. Disco muito bem produzido, que merece lugar na prateleira.


     Este comentário foi útil?

    5 Tão bom!!! Publicado em 18 set 2018

    Há muito tempo que sou fã da música do Manuel Guerra. Letras com substância e melodias à altura das mesmas. Já é mais do que altura de ter lugar de destaque no mercado musical. O "Sem Porquês" é um belíssimo trabalho!


     Este comentário foi útil?

    5 Grande disco Publicado em 18 set 2018

    Nem só de mainstream vive o homem e este senhor tem aqui um belo disco que é pena não ser mais conhecido


     Este comentário foi útil?

    4 grande músico e compositor de Évora Publicado em 15 jun 2018

    O Manuel Guerra tem um largo historial na música, com vários singles, um EP e agora um álbum, de temas originais escritos e compostos por si. É mais um artista a sair da cena musical eborense, juntamente com Atoa, Sequin, Daniel Catarino, Pedro Pinto, Uaninauei, Bicho do Mato, Pucarinho e as já extintas The Ballis Band, Kazoo Love Orquestra, Houdini Blues, Prime, Swamp, JusyBlazz, Why e outras.


     Este comentário foi útil?

    Ver também