BADYO-MARIO LUCIO

    BADYO-MARIO LUCIO_0
    BADYO-MARIO LUCIO
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Interprete(s) Mário Lúcio
    • “Badyo”
      Este é o nome por que é conhecido hoje o habitante de Santiago, a primeira ilha a ser habitada no Arquipélago de Cabo Verde. Mas, Vadio era todo o negro que recusava a condição de escravo; e, livre, não reconhecia o controlo das instituições sociais dominantes. Ele é o Mandinga, o Mandjaco, o Pepel, o Bantu, o Congo, o Fula, o Yoruba, o Wolof vindos de Africa como escravos e que, entre outras plantações, semearam o gérmen dos nossos ritmos: Batuko, Tabanka, Funaná, Coladera, Colá, Morna, etc. Badyo é o ancestral do...
      Ver mais

    • 6 novos Marketplace desde 6,11 €  
    • Todas as ofertas
      • 6,11 € Custos de envio +1,49 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        Silver
        (8780)
      • 9,97 € Custos de envio +0 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        DodaxEU-PT
        (34205)
      • 9,98 € Custos de envio +0 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        Dodax AG
        (15758)
      • 9,98 € Custos de envio +0 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        Mecodu
        (24168)
      • 8,58 € Custos de envio +2,80 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        MplusL
        (1175)
      • 13,21 € Custos de envio +0 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        uniqueplace
        (11350)
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • Levantamento
      gratuito em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Devoluções
      gratuitas em loja

    Avaliação da FNAC

    “Badyo”
    Este é o nome por que é conhecido hoje o habitante de Santiago, a primeira ilha a ser habitada no Arquipélago de Cabo Verde. Mas, Vadio era todo o negro que recusava a condição de escravo; e, livre, não reconhecia o controlo das instituições sociais dominantes. Ele é o Mandinga, o Mandjaco, o Pepel, o Bantu, o Congo, o Fula, o Yoruba, o Wolof vindos de Africa como escravos e que, entre outras plantações, semearam o gérmen dos nossos ritmos: Batuko, Tabanka, Funaná, Coladera, Colá, Morna, etc. Badyo é o ancestral do Homo Criolo. Não só nos trouxe ao mundo, como também ao mundo nos levou: para América do Norte, Antilhas, América Central, Brasil, Argentina, Europa, espalhando e assimilando novos ritmos além-mar, toques e tiques que um dia voltariam em instrumentos como o Bandonéon, o Cavaquinho, a Guitarra, o Piano, a Harmónica. Badyo é o homem da rota dos escravos e a sua música, a primeira música mestiça do Planeta, a música síntese do maior encontro de culturas da história. É esta mestiçagem universal que me seduz, que eu busco e proponho na reminiscência dos sons que vieram, dos que foram, e dos que regressaram. Pois, foi aqui em Santiago de Cabo Verde que as músicas dos povos e das etnias africanas (que nunca antes tocaram juntas) viraram a música africana que anunciou a música americana que tocou a música europeia que conhecerá a música do mundo que é a música de Cabo Verde, que é mais antiga do que se pensa e mais moderna do que parece.

    Mário Lúcio

    BADYO-MARIO LUCIO

    • CD 1
    • 01 Amar Elo
    • 02 Alter
    • 03 Corre Xintidu
    • 04 Diogo e Cabral
    • 05 Dodu
    • 06 Maremar
    • 07 Maria Na Spedju
    • 08 Goré
    • 09 Nhu Ariki
    • 10 Pretty Down
    • 11 Reza
    • 12 Santo Amado
    • 13 Scodja
    • 14 Simples Sample
    • 15 Strela
    • 16 Um Mar de Mar

    Opiniões dos nossos clientes BADYO-MARIO LUCIO

    Sê o primeiro a dar
    a tua opinião sobre este produto

    Dar opinião ✔ A tua opinião foi gravada

    Características detalhadas

    Intérprete

    Mário Lúcio

    Editor

    Tumbao