Memórias de Peyroteo

Francisco Pinheiro (Autor) João Nuno Coelho (Autor) A autobiografia do maior goleador do futebol português Edição em Português
    Memórias de Peyroteo_0
    Memórias de Peyroteo
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Editor Afrontamento

      Ver todas as características

    • Por ocasião dos 75 anos de estreia de Fernando Peyroteo com a camisola do Sporting Clube de Portugal, na temporada 1937/38, vimos apresentar a reedição do livro Memórias de Peyroteo, publicado originalmente em meados da década de 50. Numa edição de autor, Fernando Peyroteo lançou em 1957 a sua autobiografia. Algo inédito até essa data no futebol português e que continuaria a ser raro até aos nossos dias. A presente reedição da obra pretende dar a conhecer a vida e carreira de um futebolista de dimensão igualmente rara e que... Ver mais

    • Vendido pela Fnac  13,50 €
    • 1 novo desde 15 €  
    • 15 €
      13,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • Levantamento
      gratuito em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Devoluções
      gratuitas em loja

    1 oferta especial Memórias de Peyroteo

    • Vantagem Aderente: 10% Desconto imediato
    10% desconto imediato em livros
    O Cartão Fnac dá-te 10% desconto imediato sobre o preço de editor, não acumulável com outras promoções.

    Descrição Memórias de Peyroteo

    Por ocasião dos 75 anos de estreia de Fernando Peyroteo com a camisola do Sporting Clube de Portugal, na temporada 1937/38, vimos apresentar a reedição do livro Memórias de Peyroteo, publicado originalmente em meados da década de 50. Numa edição de autor, Fernando Peyroteo lançou em 1957 a sua autobiografia. Algo inédito até essa data no futebol português e que continuaria a ser raro até aos nossos dias. A presente reedição da obra pretende dar a conhecer a vida e carreira de um futebolista de dimensão igualmente rara e que protagonizou proezas também elas ainda inéditas, que lhe asseguram o estatuto de melhor marcador (331 golos) de sempre do Campeonato Nacional da I Divisão, o maior número de golos (9) num só jogo da prova e a melhor média de golos por jogo (1.68) de sempre em campeonatos nacionais, à escala planetária. No prefácio, o «mestre» do jornalismo desportivo e do futebol, Cândido de Oliveira, definiu Peyroteo como «o nosso mais extraordinário avançado-centro». A obra foi reformulada a partir do original de 1957, com os coordenadores da mesma, o sociólogo João Nuno Coelho e o historiador Francisco Pinheiro, a reordenarem a estrutura original, orientando o leitor através de textos que permitem perceber a dinâmica do livro e cada uma das fases da vida de Fernando Peyroteo. Conta ainda com um livro interior de fotografias, que traça alguns dos principais momentos da vida de uma das maiores figuras da história do Sporting Clube de Portugal no século XX.

    Características detalhadasMemórias de Peyroteo

    OUTRAS OBRAS de Francisco Pinheiro

    Ver também