O Crime do Padre Amaro

Eça de Queirós (Autor) Eça de Queirós (Autor) Eça de Queiros (Autor) Lançado em janeiro de 2011 Edição em Português
    O Crime do Padre Amaro_0
    O Crime do Padre Amaro
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento janeiro 2011
      Editor Porto Editora
      Coleção Clássicos

      Ver todas as características

    • Na versão definitiva desta obra (1880), conjugam-se três factores já previamente salientes na carreira de Eça mas cuja importância relativa e cujo significado se irão modificando: um dado propósito de crítica social contemporânea; uma dada percepção de como determinadas personagens, enganando as outras, se enganam afinal a si próprias, fingindo acatar pautas morais de comportamento; e uma certa auréola de sonho que elas exalam. Assim, em qualquer das três versões deste romance se evidencia uma violenta crítica ao clero... Ver mais

    • Vendido pela Fnac  7,74 €
    • 1 novo desde 14,32 €  
    • 14,32 €

      Disponível

      Envio com Tracking : 4,44 €

      Envio Contra Assinatura : 4,79 €

      Imosver
      (Vendedor profissional)
      6517 venda(s)
      Estado do produto
      Novo
      País de expedição
      Espanha
      Prazo médio de entrega
      Entre 2 e 3 dias úteis
      Taxa de aceitação
      99,61%

      Comentários do vendedor :

      Envio em 1 a 2 dias úteis - Somos especialistas em vendas on-line e temos mais de 2.000.000 de itens nos nossos armazéns (não são efetuadas remessas para os Açores e a Madeira).

      Todas as ofertas
      • 14,32 € Custos de envio +4,44 €
        Disponível
        Novo
        Pro
        Imosver
        (6517)
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Descrição O Crime do Padre Amaro

    Na versão definitiva desta obra (1880), conjugam-se três factores já previamente salientes na carreira de Eça mas cuja importância relativa e cujo significado se irão modificando: um dado propósito de crítica social contemporânea; uma dada percepção de como determinadas personagens, enganando as outras, se enganam afinal a si próprias, fingindo acatar pautas morais de comportamento; e uma certa auréola de sonho que elas exalam. Assim, em qualquer das três versões deste romance se evidencia uma violenta crítica ao clero católico que já tem raízes nos Iluministas ou no romantismo liberal, e aos efeitos da sua burocratização constitucionalista, da sua presença em lares burgueses.

    Características detalhadasO Crime do Padre Amaro

    OUTRAS OBRAS de Eça de Queirós

    Ver também