O Labirinto da Saudade

Eduardo Lourenço (Autor) LOURENCO, EDUARDO (Autor) Psicanálise Mítica do Destino Português Edição em Português
    • O Labirinto da Saudade_0
    O Labirinto da Saudade

    Venda o seu O Labirinto da Saudade com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Editor Gradiva
      Coleção Obras de Eduardo Lourenço

      Ver todas as características

    • «Somos, enfim, quem sempre quisémos ser. E todavia, não estando já na África, nem na Europa, onde nunca seremos o que sonhámos, emigrámos todos, colectivamente, para Timor. É lá que brilha, segundo a nova ideologia nacional veiculada noite e dia pela nossa televisão, o último raio do império que durante séculos nos deu a ilusão de estarmos no centro do mundo. E, se calhar, é verdade.»

    • Vendido pela Fnac  10,90 €
    • 1 novo desde 13,63 €  
    • 13,63 € 10,90 €

      Apenas 1 em stock

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial O Labirinto da Saudade

    • HOT DEALS: Até -50% em Tecnologia e Livros

    HOT DEALS: Até -50% em Tecnologia e Livros
    Promoção Exclusiva Online, válida de 22 a 24 de julho de 2019.
    Limitado ao stock existente, aplicável apenas a artigos vendidos pela Fnac.pt (exclui Marketplace e eBooks), não acumulável com outras promoções nem com os descontos em Cartão Fnac.
    Limitado a 2 unidades por cliente em produtos de tecnologia.

    Descrição O Labirinto da Saudade

    «Somos, enfim, quem sempre quisémos ser. E todavia, não estando já na África, nem na Europa, onde nunca seremos o que sonhámos, emigrámos todos, colectivamente, para Timor. É lá que brilha, segundo a nova ideologia nacional veiculada noite e dia pela nossa televisão, o último raio do império que durante séculos nos deu a ilusão de estarmos no centro do mundo. E, se calhar, é verdade.»

    Características detalhadasO Labirinto da Saudade

    OUTRAS OBRAS de Eduardo Lourenço

    Ver também