Os Maias

    • Os Maias_0
    Os Maias

    Venda o seu Os Maias com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Editor Livros do Brasil
      Coleção Obras de Eça de Quieróz

      Ver todas as características

    • Metas Curriculares de Português
      Leitura recomendada para o 11.º ano de escolaridadeEça de Queirós retrata-nos nesta obra um largo fresco da sociedade portuguesa. Como observa lucidamente Helena Cidade Moura, em Carlos da Maia, "uma educação exemplar não o liberta do peso da hereditariedade social. Personagens de um grande mundo, os netos de Afonso da Maia, vivificados e alimentados pela grande civilização europeia caem, apesar de tudo, ali numa rua ao Chiado".

    • Vendido pela Fnac  9,99 €
    • 1 novo desde 11,10 €   e 1 usado ou recondicionado desde 5 €
    • Todas as ofertas
      • 5 € Custos de envio +2,99 €
        Disponível
        Segunda mão - Como novo
        Particular
        biovende
        (173)
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Descrição Os Maias

    Metas Curriculares de Português
    Leitura recomendada para o 11.º ano de escolaridade

    Eça de Queirós retrata-nos nesta obra um largo fresco da sociedade portuguesa. Como observa lucidamente Helena Cidade Moura, em Carlos da Maia, "uma educação exemplar não o liberta do peso da hereditariedade social. Personagens de um grande mundo, os netos de Afonso da Maia, vivificados e alimentados pela grande civilização europeia caem, apesar de tudo, ali numa rua ao Chiado".

    Escolhas dos nossos vendedores

    RAQUEL CURVACHEIRO FNAC Cascais

    Os Maias. Eça de Queiroz

    Se és dos que olha para este "calhamaço" e torce o nariz, refém de preconceitos estudantis, acredita: passando as páginas descritivas do Ramalhete, vais gostar verdadeiramente desta obra... Isto se gostares de literatura de qualidade, ironia e mordacidade.

    Características detalhadasOs Maias

    OUTRAS OBRAS de Eça de Queirós

    3/5
    • 1
      0
    • 2
      0
    • 3
      1
    • 4
      0
    • 5
      0
    3 Potencial desperdiçado. Publicado em 01 out 2018

    O que dizer? Os Maias é um livro universalmente adorado, por isso, eu vir aqui dizer que têm muito potencial desperdiçado parece supérfluo. Esta opinião pode ser controvérsia, mas é minha decisão toma-lá. Os Maias é uma obra sobre a destruição da reputação e honra de uma família, a família Maia, esta destruição acontece através de um ato de incesto que é cometido por dois irmãos que tinham sido separados à nascença, a escrita é sublime e detalhada, a descrição espacial é espantosa e os personagens são bem escritos. Agora perguntam-me, "Se estás a dar tantos elogios, por que é que lhe estás a dar um três?", eu concordo que cenários e personagens têm a sua importância quando se escreve um história, mas não são a parte mais importante, a história em si é o que é importante, e se eu vos disse-se que a história sobre a destruição da família e o eventual incesto não é desenvolvida durante mais de 70% da obra? Estes 70% estão cheios de episódios que não são verdadeiramente importantes para a narrativa principal, a corrida de cavalos é um olhar interessante para o afastamento cultural de Portugal da altura, mas não desenvolve ou enriquece a narrativa principal, o episódios do banco é cativante e mostra a decadência politica portuguesa, mas não impacta a história sobre o incesto ou a destruição familiar, todos estes eventos são sintomas de uma história que precisa de foco, estes episódios não passam de criticas que o autor queria incluir, mas não conseguiu encontra uma maneira que estas criticas fizessem serviço à história. Os Maias é uma obra que faz quase tudo bem, menos a parte mais importante, é uma obra sobrevalorizada, nenhum escritor devia basear-se nesta história para a sua própria escrita, tirem o máximo que puderem sobre como escrever cenários e personagens, mas quando chegar à parte de aprender a escrever uma história coesa e que faça sentido.podem ir procurar a outro lado.


     Este comentário foi útil?

    Ver também

      Vais ser redirecionado para fora da fnac.pt

      Ao clicar em "download" vais ser redireccionado para o site kobo.com onde poderás fazer download do título selecionado utilizando os dados de acesso da tua conta Fnac. Caso não tenhas uma conta Fnac, terás de criar uma conta em Kobo.com para usufruíres de todas as funcionalidades e vantagens Kobo.

      Atenção Ocorreu um erro, por favor, tenta novamente mais tarde.