Poesia de Álvaro de Campos

Fernando Pessoa (Autor) Edição em Português
    Poesia de Álvaro de Campos_0
    Poesia de Álvaro de Campos
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Editor Assírio & Alvim
      Coleção Obras de Fernando Pessoa

      Ver todas as características

    • Álvaro de Campos é o protagonista do «drama em gente» que, segundo Pessoa, o conjunto da obra heterónima constitui. Alberto Caeiro e Ricardo Reis são os dois planetas mais importantes dos muitos que gravitam em volta dessa estrela central. Impossível compreendê-los sem entender as relações que os reúnem e opõem. E também que Campos é o «fingidor» não só das dores e emoções que Pessoa «deveras sente» mas também das que se «esqueceu de sentir», como ele próprio disse. Viveu em seu lugar a vida de que ele se absteve - por... Ver mais

    • 22,20 € 17,76 €

      Apenas 2 em stock

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial Poesia de Álvaro de Campos

    • 72H CHRONO FNAC
    72H CHRONO FNAC: Até 80% desconto imediato em Tecnologia, Livros e Entretenimento.
    Promoção Exclusiva Online, válida de 20 a 22 de janeiro de 2020.
    Aplicável nos artigos assinalados e vendidos pela Fnac.pt (exclui Pré-Vendas, Marketplace e eBooks).
    Limitado ao stock existente, não acumulável com outras promoções nem com os descontos Cartão Fnac.
    Artigos de Tecnologia limitados a 2 unidades por NIF.
    Portes Grátis para encomendas de valor igual ou superior a 15€ (exclui Marketplace), válido para entregas em Portugal Continental em 1 dia útil ou levantamento nas lojas FNAC.

    Descrição Poesia de Álvaro de Campos

    Álvaro de Campos é o protagonista do «drama em gente» que, segundo Pessoa, o conjunto da obra heterónima constitui. Alberto Caeiro e Ricardo Reis são os dois planetas mais importantes dos muitos que gravitam em volta dessa estrela central. Impossível compreendê-los sem entender as relações que os reúnem e opõem. E também que Campos é o «fingidor» não só das dores e emoções que Pessoa «deveras sente» mas também das que se «esqueceu de sentir», como ele próprio disse. Viveu em seu lugar a vida de que ele se absteve - por «incompetência», escreveu. Catarticamente, encarnou a loucura e a homossexualidade cujo espetro perseguia Pessoa. E, como o seu criador, desdobrou-se em vários outros, sincrónica e diacronicamente, ao longo da sua vida. Morreram juntos.

    Características detalhadasPoesia de Álvaro de Campos

    OUTRAS OBRAS de Fernando Pessoa

    Ver também