Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo

Luís Machado de Abreu (Autor) ABREU, LUIS MACHADO DE (Autor) Lançamento a 22 maio 2019 Edição em Português
    Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo_0
    Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento 22/05/2019
      Editor Gradiva
      Coleção Fora de Colecção

      Ver todas as características

    • "O clericalismo é um excesso. O anticlericalismo é uma reação a esse excesso que se torna mais ou menos insuportável em diferentes graus, tempos e casos. Excesso de poder, excesso de confiança, excesso de intromissão fora da esfera própria, excesso de visibilidade ou “invisibilidade” no âmbito público secular e no domínio privado individual e familiar, excesso que se traduz num extravasar de competências e funções para além do campo de actuação espiritual e pastoral, excesso de transgressão e de falta de referencialidade... Ver mais

    • 20 €
      18 €

      Em stock online

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo

    • Vantagem Aderente: 10% Desconto imediato
    10% desconto imediato em livros
    O Cartão Fnac dá-te 10% desconto imediato sobre o preço de editor, não acumulável com outras promoções.

    Mais Informações Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo

    "O clericalismo é um excesso. O anticlericalismo é uma reação a esse excesso que se torna mais ou menos insuportável em diferentes graus, tempos e casos.

    Excesso de poder, excesso de confiança, excesso de intromissão fora da esfera própria, excesso de visibilidade ou “invisibilidade” no âmbito público secular e no domínio privado individual e familiar, excesso que se traduz num extravasar de competências e funções para além do campo de actuação espiritual e pastoral, excesso de transgressão e de falta de referencialidade moral.

    O anticlericalismo configura-se como um movimento de oposição, de combate, de consciência crítica em relação a esse excesso e a essa falta.

    O leitor tem nas mãos uma obra madura, séria e muito segura para o auxiliar na compreensão de uma das questões mais dilemáticas e problemáticas da cultura portuguesa que, recentemente, voltou a estar na ordem do dia com o mediatismo dado aos casos de abusos sexuais atribuídos aos membros do clero.

    Este livro é um excelente manual para nos ajudar a compreender as grandes questões que envolvem o clero católico, nas suas grandezas e misérias, e a urgência de atualização e redimensionamento da Igreja no mundo de hoje. Aliás, como bem evidencia e pensa Luís Machado de Abreu num dos capítulos notáveis e surpreendentes deste livro: “A Pastoral do Anticlericalismo”. Adaptado do Prefácio"

    Características detalhadasPortugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo

    OUTRAS OBRAS de Luís Machado de Abreu

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Portugal Anticlerical: Uma História do Anticlericalismo

    Condições de Utilização

    Ver também