Opiniões dos nossos clientes

Ramiro F.
Ativo desde 26 outubro 2015
Último comentário em 04 abril 2019
34 Comentários
4,5/5 Avaliação média
98 Notas úteis

Estocolmo
Estocolmo  Bom
 Comentários úteis
 Bom
Diana, A Deusa da Caça Sérgio Godinho, figura incontornável do panorama artístico português, vai buscar nesta história a sua experiência como estudante de psicologia que foi na juventude, assim como o seu gosto e admiração pelas mulheres e seus mistérios, num livro que se lê muito bem, sobre um jovem estudante que aluga um quarto a uma pivot de televisão e a relação de amor, sexo e submissão que se estabelece entre eles - um jovem com vinte anos e uma jornalista com quarenta, com um corpo invejável e desejável. O síndrome de Estocolmo é sobre a "presa" que tem oportunidade fugir mas sente-se ligada a quem a prende, por vários motivos. Este segundo livro de fição do grande Sérgio Godinho lê-se num ápice, quase se devora como faz Diana com o jovem Vicente, assim como a sua bela mãe, com sessenta anos e ainda tudo no sítio. Erotismo, suspense, diálogos interessantes e misteriosos, numa leitura agradável e viciante, da primeira até à última página.
A Primeira Regra
A Primeira Regra  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Espionagem ao mais alto nível Depois de "Infiltrado", onde Sam Capra descobre que o seu irmão está vivo este faz tudo para o reencontrar. O livro começa com uma proposta para assassinar o presidente russo e uma recompensa de 50 milhões de euros. Desde o Afeganistão, Estados Unidos, Rússia e Europa, acontecem várias peripécias onde temos momentos de suspense, ação, emoção e intimismo entre os vários protagonistas, envolvendo a CIA, o MI6 e os serviços secretos russos. Nesta trama temos bastantes personagens femininas, carismáticas e fatais que se cruzam com magnatas e oligarcas russos cheios de dinheiro sujo e segredos inconfessáveis. Enfim, um excelente livro de espionagem de Jeff Abbott que nos faz ansiar pela próxima aventura desta série.
Piadas Ribeirinhas
Piadas Ribeirinhas Muito mau
 Comentários úteis
Muito mau
Muito mau! Considero esta compilação um oportunismo barato e mal conseguido de um outro livro do género que teve um merecido sucesso. As piadas são secas e sem graça, não há uma que se aproveite. É ridículo! Infelizmente este é um país em que as "celebridades" da têvê é que vendem, enquanto as boas obras ficam por ler, por uma população que, segundo as estatísticas, compra 1,25 livros por ano.
A Loura de Olhos Negros
A Loura de Olhos Negros  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
O regresso em grande de Philip Marlowe Livro bastante interessante que cativa logo desde o início, com a loira deslumbrante que Philip Marlowe vê do seu escritório no semáforo da rua e acaba por se lá dirigir para que ele procurasse um ex amante desaparecido. Benjamin Black (pseudónimo de um escritor conceituado) escreve ao estilo de Raymond Chandler e não deixa os seus créditos por maus alheias. A narrativa prende o leitor, num misto de policial com vários momentos de romance, dando continuidade a "O Longo Adeus" e lê-se com inegável prazer, esta história muito bem escrita que fazendo honra ao mestre Chandler, se pode considerar uma obra de mestre.
Maestra
Maestra  Médio
 Comentários úteis
 Médio
A vida à beira do abismo A jovem Judith Rashleigh trabalha numa conceituada leiloeira de Londres, dedicada à arte. Num dia mau encontra por acaso uma antiga amiga que a leva a conhecer o sub-mundo das acompanhantes de luxo e assim começa um ciclo sem retorno. Achei esta obra bastante descritiva, interessante quando se debruça sobre arte, arquitetura, ou viagens, fútil e oca quando descreve minuciosamente as peças de roupa e respetivas marcas que a protagonista compra, desde os vestidos às cuecas que passa a vida a tirar. No entanto, a história acaba por prender, pelas suas reviravoltas e a bela Judith acaba por cativar o leitor, apesar de se tornar uma sociopata, o que tenta explicar pela infância que teve e o gosto pelo luxo que não esconde. As cenas de sexo são descritas com pormenor e voluptia, desde orgias em clubes noturnos de paris, aos amantes que a protagonista vai tendo e matando... Este é o primeiro livro de uma trilogia, tendo a autora L. S. Hilton também trabalhado em arte e vivido em muitos dos locais descritos no livro.
 Comentários úteis
 Fantástico
Uma banda desenhada de culto Uma banda desenhada de culto! Muito bem desenhada e com um argumento inteligente e inovador. O misterioso homem que aparece junto à praia com um XIII tatuado no corpo e amnésia parcial, é recuperado por um casal de idosos que o acolhe como ao seu filho perdido. A partir daqui é um sem fim de aventuras, reencontros, traições e algum amor pelo meio, para recuperar a sua identidade e saber quem realmente é. Mas nada é fácil nem garantido e a acção é total e contínua. A partir deste álbum, fica uma imensa vontade de ler a colecção completa.
 Comentários úteis
 Bom
O fundador da literatura policial moderna Na contra capa lê-se " o fundador da literatura policial moderna". De facto Dashiell Hammett assim pode ser considerado e neste livro, temos um casal muito agradável que desvenda vários mistérios, trabalhando em equipa. Numa Nova York da primeira metade do século XX, a assistente de um inventor excêntrico é assassinada e Nick e Nora Charles são chamados a intervir, com a filha e ex-mulher do referido inventor a insinuarem-se a Nick Charles, fazendo parte de um rol de suspeitos que se vão revelando. Temos uma escrita fluída e agradável, passando os capítulos sem dar-mos conta, com personagens interessantes e um ambiente de festas e sociabilidade, em que o mistério vai sendo revelado, até à conclusão final que não deixa nenhuma ponta solta.
Velhas Traições
Velhas Traições  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
A espionagem no seu melhor A trama principal deste romance de espionagem, passa-se num jantar entre dois ex-espiões que também foram amantes. Os capítulos dividem-se entre Henry e Célia, sendo narrados na primeira pessoa pelo autor, tendo por base acontecimentos de há poucos anos e portanto verosímeis e ainda atuais. Entretanto são descritos flashbacks do que terá acontecido na embaixada de Viena, na Áustria, onde os dois trabalhavam, aquando de um atentado, que deixou várias pontas soltas e por resolver. As cerca de 200 páginas agarram o leitor, fruto de uma narrativa dinâmica e uma excelente caracterização psicológica dos personagens. Um jogo de traições que desfilam e se revelam à medida que a história se desenvolve. Uma excelente leitura.
 Comentários úteis
 Bom
Uma banda desenhada adulta Esta nova série das aventuras de Michel Vaillant está, na minha opinião, muito bem conseguida. Trata-se de uma banda desenhada adulta e que foca problemáticas actuais, como a família, o ciúme e o desejo ou as novas tecnologias. Com um desenho realista e cativante, tem histórias simples, mas bem construídas, que nos absorvem e fazem esperar pelo álbum seguinte.
 Comentários úteis
 Bom
A descoberta da sexualidade juvenil Depois de vários anos a ler os livros deste jovem adolescente que inferniza a vida dos pais e se vai descobrindo, achei este livro uma delícia porque os autores conseguem, de forma divertida, introduzir o desejo e a sexualidade na vida do protagonista. São tiras muito divertidas, como é habitual, mas é interessante seguir o crescimento das personagens.
 Comentários úteis
 Médio
Agradável surpresa Agradável surpresa, numa escrita que nos remete para a cidade do Porto e arredores, com inegáveis influências de Raymond Chandler e dos policiais clássicos, em que o inspector Jaime Ramos encarna um anti herói que nos cativa, assim como a narrativa nos prende quase sem darmos conta. Mais importante que o final dos contos é a atmosfera criada, os estados de espírito dos personagens, em que a mulher assume um claro destaque, havendo a tentativa de desvendar os seus mistérios, em cenários de crime e sedução, fatalidade e sensualidade.
 Comentários úteis
 Bom
Excelente Excelente máquina de barbear! Consegue-se um barbear apurado e em pouco tempo, com pouco esforço. Pode-se usar a seco ao com gel, espuma ou óleo de barbear e, desta forma, acho que os resultados ainda são melhores. Para quem, como eu, tem uma pele bastante sensível, é uma opção inteligente e reconfortante.
 Comentários úteis
 Fantástico
Crónicas de um conservador inteligente Cresci a ler Miguel Esteves Cardoso, desde as suas crónicas no Expresso e n'O Independente. Sempre me marcaram bastante e de forma positiva. É por isso com agrado que verifico a qualidade deste"Como é Linda a Puta da Vida", com crónicas interessantes que MEC escreveu no Público e GQ Portugal, entre outras publicações. Textos que nos emocionam, fazem pensar e deixam uma sensação de bem estar pela sua pertinência, frescura e partilha de conhecimentos.
A Metamorfose
A Metamorfose  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Crítica à Sociedade Moderna Livro sobre a condição humana oprimida e alienada pela sociedade moderna e que Franz Kafka escreveu em apenas três semanas, em finais de 1912, quando tinha 29 anos. Veio a ser o texto mais conhecido, estudado e citado da obra do autor. O início do livro é surpreendente e o enredo reforça a critica social à sociedade do início do século XX, continuando atual e sendo uma das obras primas da literatura.
Siddhartha
Siddhartha  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Viagem á procura de si mesmo Este é um livro sobre auto conhecimento. Uma viagem em procura de si mesmo, passando por várias etapas e circunstâncias, buscando o conhecimento e a sabedoria. O jovem Siddhartha percorre a via dos ascetas, dos prazeres mundanos, de doutrinas que abandona para seguir o que o seu íntimo lhe diz, até à comunhão com a natureza, a simplicidade e o todo. Um poema indiano de Hermann Hesse que é uma obra essencial da literatura.
Noites Brancas
Noites Brancas  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Sublime e intemporal Como explicar um livro que se lê em cerca de hora e meia e, depois de acabada a sua leitura, ficamos outro tanto tempo, suspensos, a imaginar e pensar no que acabamos de ler, nas últimas palavras do livro. Esta é uma história de amor que nos prende e que nunca mais se esquece. Um livro sublime, sobre corações solitários, a noite e o amor entre almas que se procuram.
 Comentários úteis
 Bom
Interessante Livro bastante interessante, tanto ao nível do enredo como da pesquisa histórica que o autor fez para o mesmo, criando suspense e polémica sobre factos históricos que damos como adquiridos. Depois de ter lido "Anjos e Demónios" gostei francamente mais deste livro, mas notei que a base da trama é idêntica nos dois e, pelo que já li, em todos os livros de Dan Brown que, no fundo, acabam por valer, sobretudo, pela pesquisa que o autor faz. Pode ser que venha a ler outra aventura do professor Robert Langdon, mas gostaria que o autor se esforçasse mais na originalidade das histórias que conta.
The Who
Quadrophenia (2CD)  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Um álbum perfeito "Quadrophenia" é um álbum conceptual ou ópera rock escrito por Pete Townshend que narra as aventuras do movimento mod no início dos anos sessenta. Os membros da banda têm um virtuosismo notável, para além de Townshend na guitarra, a secção ritmíca, com Keith Moon e John Entwistle a terem momentos de génio, destacando "The Real Me" e Roger Daltrey com algumas das suas melhores performances, nomeadamente em "Love, Reign O'er Me". Enquanto a primeira ópera rock do grupo "Tommy" terá alguma sobreprodução, "Quadrophenia" é um disco de rock puro e duro, coerente e com grandes músicas, verdadeiros hinos do rock.
O Imenso Adeus
O Imenso Adeus  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
O Mestre do Policial" Noir" Raymond Chandler é pioneiro e mestre no romance policial moderno. O detetive por si criado, Philip Marlowe, é cínico e duro, na sociedade podre e hipócrita em que se move. A escrita de Chandler tem uma classe muito própria e enredos que cativam o leitor. Muitas das suas obras, incluindo este "O Imenso Adeus" foram transpostas para o cinema, com interpretações notáveis de, entre outros Humphrey Bogart que imortalizou o autor.
Queen
Live Killers (2CD)  Fantástico
 Comentários úteis
 Fantástico
Músicos fantásticos e um vocalista único Ouvi este disco vezes sem conta. A experiência de ouvir uma banda que soava melhor ao vivo do que em estúdio e que imprimia uma energia e entrega inigualáveis nos seus espetáculos, com excelentes músicos e um vocalista fora de série deixou-me um profunda marca, um prazer único na audição de músicas que, para mim, marcam a melhor fase da banda e são intemporais.

Atenção Ocorreu um erro, por favor, tenta novamente mais tarde.