Sentimento

    • Sentimento_0
    Sentimento

    Venda o seu Sentimento com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Vendido pela Fnac  5 €
    • 1 novo desde 8,99 €  
    • 10,90 € 5 €

      Em stock online

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Resumo Sentimento

    Há cerca de cinquenta anos, eu escrevi que insistia em considerar Senso um dos cinco ou seis maiores filmes da história do cinema. Ainda persisto. As razões podem não ser exactamente as mesmas, mas no fundo, estava e estou certo. Cada nova visão só mo confirma. Só que cada vez que o vejo me apetece puxar por um momento diferente.

     

    Mas se alguma vez houve um “filme-ópera” ele chamou-se Senso. E não deixa de ser um dos grandes paradoxos deste filme e do seu autor que a descendência a que deu lugar não seja cinematográfica, mas operática, Se quiserem pensar numa posteridade de Senso, ela não se encontra em nenhum filme, mas nas encenações - ainda de 54, ou de 55 - que Visconti fez para o Scala de Milão e que revolucionaram todos os caminhos da encenação operática do século passado. E se quisermos pensar numa posteridade de Alida Valli (ela também, segunda escolha e só chamada porque Rossellini teve ciúmes e não deixou Ingrid Bergman fazer o papel), o nome com que nos encontramos é o da mulher para a qual Visconti fez as referidas encenações: Maria Callas.

     

    João Bénard da Costa - Folhas da Cinemateca

    Características detalhadasSentimento

    • Título original Senso
    • Realizador(es) Luchino Visconti
    • Actor(es) Farley Granger
      Alida Valli
      Heinz Moog
    • Editor Alambique - João Bénard da Costa
    • Áudio Italiano Mono
    • Duração 122 Minutos
    • Extras Inclui apresentação e comentários de João Bénard da Costa filmados por Margarida Gil para a série da RTP “No Meu Cinema”.
    • Formato Vídeo 16:9 Cor
    • Legendas Português
    • Número de Discos 1
    • Formato DVD
    • Ano 1954
    • Região Zona 2 - PAL
    • Género 1 Drama
    • Género 2 História

    OUTRAS OBRAS de Luchino Visconti

    Ver também