Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles

Isabel de Pina Baleiras (Autor) Lançado em abril de 2013 Edição em Português
    • Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles_0
    Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento abril 2013
      Editor Temas & Debates

      Ver todas as características

    • Leonor Teles (1350?-1410?), mulher do rei D. Fernando, foi rainha consorte de Portugal entre 1372 e 1383 e regente entre outubro de 1383 e janeiro de 1384. Mulher política, participou ao lado do marido no governo do reino, outorgando diplomas de privilégio à nobreza e negociando a sucessão do trono nos diversos tratados de casamento que os dois conceberam para a única filha sobreviva, a infanta D. Beatriz.Leonor Teles terá sido uma mulher «mui inteira e de coração cavaleiresco», por ser corajosa, frontal e determinada,... Ver mais

    • 18,80 € 16,92 €

      Apenas 1 em stock

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles

    • Plano Nacional de Leitura
    EXCLUSIVO ONLINE: 10% desconto em livros do Plano Nacional de Leitura.

    Descrição Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles

    Leonor Teles (1350?-1410?), mulher do rei D. Fernando, foi rainha consorte de Portugal entre 1372 e 1383 e regente entre outubro de 1383 e janeiro de 1384. Mulher política, participou ao lado do marido no governo do reino, outorgando diplomas de privilégio à nobreza e negociando a sucessão do trono nos diversos tratados de casamento que os dois conceberam para a única filha sobreviva, a infanta D. Beatriz.

    Leonor Teles terá sido uma mulher «mui inteira e de coração cavaleiresco», por ser corajosa, frontal e determinada, qualidades que, para a época, se considerava serem de natureza masculina.

    Foi uma mulher bela e sedutora, a ponto de as mulheres do seu tempo aprenderem com ela novos jeitos a ter com os maridos. Segundo o cronista Fernão Lopes, Leonor era uma mulher de maus costumes por ter casado com o rei, apesar de já ser casada, e por ter arranjado um amante, sendo D. Fernando vivo. O cronista e a história não lhe perdoaram e fizeram dela o mito da mulher má, capaz de matar a irmã, exilar os cunhados, preparar ciladas, tudo para servir a sua maior ambição: a luta pelo poder, o poder de ser rainha de Portugal.

    Nos seus prováveis sessenta anos de vida, Leonor teve dois, se não três, casamentos, vários filhos, uma clientela de agraciados, um reino que perdeu e um exílio que a fez ir morrer a Castela, terra originária dos seus antepassados - os Teles de Meneses.

    Características detalhadasUma Rainha Inesperada: Leonor Teles

    • Autor Isabel de Pina Baleiras
    • Editor Temas & Debates
    • Data de lançamento abril 2013
    • EAN 978-9896442309
    • ISBN 9789896442309
    • Nº Páginas 488
    • Encadernação Capa mole
    • PNL Idade 15-18 anos
    • PNL Nível de Leitura Leitura Fluente

    OUTRAS OBRAS de Isabel de Pina Baleiras

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Uma Rainha Inesperada: Leonor Teles

    Condições de Utilização

    Ver também