Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    • Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''_0
    • Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''_1
    Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    Venda o seu Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12'' com apenas alguns cliques,
    em fnac.pt

    1. Vende o teu produto
    2. Um cliente compra o teu produto
    3. Envia o teu produto
    4. Recebe o pagamento
    Passar para conta Pro!
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Interprete(s) Vários/Brasil

      Ver todas as características

    • O estilo bossa nova, que o cantor e guitarrista brasileiro João Gilberto introduziu nos finais de 1950, agitou fortemente, à época, os círculos musicais da zona sul do Rio de Janeiro que muitos jovens guitarristas procuraram espontâneamente imitar. Este estilo original foi ouvido pela primeira vez no seu álbum de estreia "Chega de Saudade", gravado em 1958, e cujo título foi inspirado na canção de António Carlos Jobim e Vinícius de Moraes.Nos primórdios da sua carreira como guitarrista, Gilberto, acompanhou a cantora... Ver mais

    • 17,90 € 15,99 €

      Em stock online

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    Mais Informações Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    O estilo bossa nova, que o cantor e guitarrista brasileiro João Gilberto introduziu nos finais de 1950, agitou fortemente, à época, os círculos musicais da zona sul do Rio de Janeiro que muitos jovens guitarristas procuraram espontâneamente imitar. Este estilo original foi ouvido pela primeira vez no seu álbum de estreia "Chega de Saudade", gravado em 1958, e cujo título foi inspirado na canção de António Carlos Jobim e Vinícius de Moraes.

    Nos primórdios da sua carreira como guitarrista, Gilberto, acompanhou a cantora Elizete Cardoso - nomeadamente na gravação do álbum “Canção do amor demais” surgindo em duas faixas -, e esforçando-se para lhe transmitir o seu visionário estilo, mas Cardoso não ousou seguir nenhuma das suas sugestões acabando por cantar da forma mais clássica. No entanto, e pouco tempo depois com a mesma canção, Gilberto acabaria por fazer o seu próprio single, desta vez segundo o seu modelo, seguido pelo LP de 1959, “Chega de Saudade”. A canção seria um êxito, lançando a carreira de Gilberto e o fascínio pela bossa nova.

    A origem exata da expressão "bossa nova" permanece desconhecida. O certo é que a palavra "bossa" foi pela primeira vez usada para referir qualquer nova "tendência" ou "movimento de moda" que ia surgindo dentro da cultura artística de praia, do Rio de Janeiro, nos anos 1950. Finalmente viria a tornar-se conhecida - e amplamente usada - para se descrever este novo estilo musical, uma fusão de samba e jazz, quando os compositores mais conhecidos do género classificavam este novo estilo como "uma bossa nova" ou "a coisa nova".

    O género evoluiu do samba, mas é mais complexo harmonicamente e menos percussivo. A bossa nova surgiu principalmente no Rio de Janeiro nos bairros burgueses de praia em oposição às origens do samba que começou nas favelas.

    As origens da bossa, no entanto, estavam bem enraizadas no passado. Nas palavras de Jobim: “Meus contemporâneos e eu aprendemos muito com os compositores brasileiros que vieram antes de nós. Pessoas como Pixinguinha, Ary Barroso e Dorival Caymmi deixaram sua marca, um caminho de beleza para nós seguirmos. Quando a bossa nova apareceu pela primeira vez no Brasil, porém, tinha tantos adversários, tantos puristas cheios de animosidade. No entanto, os EUA nos amaram. Recebemos muito não do Brasil, mas muito sim dos Estados Unidos.”

    Esta edição apresenta uma seleção abrangente de canções de bossa nova, nas gravações originais dos próprios mestres brasileiros, bem como de reconhecidos músicos de jazz, um esforço de colaboração entre artistas americanos e brasileiros.

    Lawrence Steel (2019)

    Escolhas dos nossos vendedores

    André Gonçalves FNAC Chiado

    Vários Artistas. Bossa Nova

    A bossa nova, que o cantor e guitarrista brasileiro João Gilberto inventou nos anos 50 juntamente com Tom Jobim e Vinicius de Moraes, situa-se entre o samba e o jazz e neste LP exclusivo FNAC temos os mestres brasileiros lado a lado com reputados músicos de jazz norte-americanos.

    Características detalhadasBossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    OUTRAS OBRAS de Vários/Brasil

    Faixas do álbum Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    Vários/Brasil

    Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    00:00 00:30
    Título Duração
    • CD 1
    • 01 Elizete Cardoso: Chega de Saudade (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 3:29
    • 02 Pery Ribeiro: Garota de Ipanema (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:14
    • 03 Lenita Bruno: Eu Não Existo Sem Você (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 3:31
    • 04 Carlos Lyra: Coisa Mais Linda (Vinícius de Moraes-Carlos Lyra) 1:34
    • 05 Luiz Bonfá: Eurydice (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:18
    • 06 Maysa: O Barquinho (Ronaldo Bôscoli-Roberto Menescal) 2:18
    • 07 Agostinho dos Santos & Tom Jobim: A Felicidade (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:47
    • 08 Sylvia Telles: Corcovado (António Carlos Jobim) 2:33
    • 09 Dick Farney: Esse Seu Olhar (António Carlos Jobim) 3:04
    • 10 Stan Getz & Charlie Byrd: Desafinado (António Carlos Jobim-Newton Mendonça) 5:54
    • CD 2
    • 01 João Gilberto: Insensatez (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:25
    • 02 Isaura Garcia: Meditação (António Carlos Jobim-Newton Mendonça) 3:15
    • 03 Vinícius de Moraes: Pela Luz dos Olhos Teus (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:02
    • 04 Leny Andrade: Samba de uma Nota Só (António Carlos Jobim-Newton Mendonça) 2:00
    • 05 Sérgio Mendes: Outra Vez (António Carlos Jobim) 2:25
    • 06 Os Cariocas: Samba do Avião (António Carlos Jobim) 2:40
    • 07 Alaíde Costa: Dindi (António Carlos Jobim-Aloysio de Oliveira) 3:41
    • 08 Tom Jobim & Roberto Paiva: Si Todos Fossem Iguais a Você (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 3:36
    • 09 Norma Benguell: Eu Sei Que Vou Te Amar (António Carlos Jobim-Vinícius de Moraes) 2:54
    • 10 Coleman Hawkins: O Pato (Jayme Silva-Neuza Teixeira) 4:13

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Bossa Nova: 20 Grandes Clássicos, 20 Grandes Intérpretes - LP 180gr 12''

    Condições de Utilização

    Ver também