Vozes de Chernobyl

Svetlana Alexievich (Autor) História de um Desastre Nuclear Lançado em fevereiro de 2016 Edição em Português
    • Vozes de Chernobyl_0
    Vozes de Chernobyl
    • Resumo
    • Detalhes do artigo
    • Garanties
    • Acessórios incluídos
    • Data de lançamento fevereiro 2016
      Editor Elsinore

      Ver todas as características

    • "Vozes de Chernobyl"é a mais aclamada obra de Svetlana Alexievich, Prémio Nobel de Literatura 2015, tida como o seu trabalho mais duro e impactante.A 26 de abril de 1986, Chernobyl foi palco do pior desastre nuclear de sempre. As autoridades soviéticas esconderam a gravidade dos factos da população e da comunidade internacional, e tentaram controlar os danos enviando milhares de homens mal equipados e impreparados para o vórtice radioativo em que se transformara a região. O acidente acabou por contaminar quase três quartos... Ver mais

    • Vendido pela Fnac  12,38 €
    • 1 novo desde 17,34 €  
    • 17,69 € 12,38 €

      Em stock online

      Recebe numa morada a partir de 2,50 €

      Em loja

      Levantamento gratuito

      Ver disponibilidade em loja

      Ver todas as opções e detalhes de entrega
    • Satisfeito
      ou reembolsado
    • SPV Fnac
      7 dias por semana
    • Devoluções
      gratuitas em loja
    • Pagamentos
      Seguros
    • Levantamento
      gratuito em loja

    1 oferta especial Vozes de Chernobyl

    • PROMOÇÃO NATAL: LIVROS
    NATAL FNAC Até 50% desconto imediato numa seleção de mais de 500 Livros.
    Promoção válida de 7 de novembro de 2019 a 6 de janeiro de 2020.
    Limitado ao stock existente e aplicável apenas nos artigos assinalados vendidos pela Fnac (exclui Marketplace e eBooks).
    Não acumulável com outras campanhas ou promoções nem com os 10% desconto imediato em livros para aderentes Cartão Fnac.

    Descrição Vozes de Chernobyl

    "Vozes de Chernobyl"é a mais aclamada obra de Svetlana Alexievich, Prémio Nobel de Literatura 2015, tida como o seu trabalho mais duro e impactante.

    A 26 de abril de 1986, Chernobyl foi palco do pior desastre nuclear de sempre. As autoridades soviéticas esconderam a gravidade dos factos da população e da comunidade internacional, e tentaram controlar os danos enviando milhares de homens mal equipados e impreparados para o vórtice radioativo em que se transformara a região. O acidente acabou por contaminar quase três quartos da Europa.
    Numa prosa pungente e desarmante, Svetlana Alexievich dá voz a centenas de pessoas que viveram a tragédia: desde cidadãos comuns, bombeiros e médicos, que sentiram na pele as violentas consequências do desastre, até as forças do regime soviético que tentaram esconder o ocorrido. Os testemunhos, resultantes de mais de 500 entrevistas realizadas pela autora, são apresentados através de monólogos tecidos entre si com notável sensibilidade, apesar da disparidade e dos fortes contrastes que separam estas vozes.

    Prefácio de Paulo Moura e tradução de Galina Mitrakhovich.

    «A sua técnica é uma mistura vigorosa de eloquência e de silêncio, descrevendo a incompetência, o heroísmo e o luto: a partir dos monólogos dos seus entrevistados, ela cria uma história que o leitor consegue de facto palpar. Ao lê-la, percebi pela primeira vez que Chernobyl foi o tsunami da Europa: mas fomos nós, humanos, que o criámos, e este tsunami é interminável.»
    The Telegraph

    «Se o leitor tem curiosidade sobre o futuro, sugiro que leia este livro com caráter de urgência. A Chernobyl de Alexievich é um lugar de extremos e do desconhecido, palco das consequências da tecnologia. No posfácio, a autora refere: "Estas pessoas já tinham visto o que, para todos os outros, era ainda desconhecido. Senti que estava a registar o futuro." Tenho a certeza de que ela esta certa.»
    The Telegraph

    «Terríveis e grotescas, as histórias de "Vozes de Chernobyl" acrescem página após página como a radiação alojada nos corpos dos sobreviventes.»
    The New York Times

    «Quão genuinamente humanas são estas histórias: cada voz expressa fúria, medo, ignorância, estoicidade, compaixão e amor. Alexievich pôs a sua saúde em risco para reunir estes inestimáveis testemunhos de quem viveu o desastre na linha da frente, transformados aqui numa obra literária essencial e assombrosa.»
    Donna Seaman, Booklist

    «"Vozes de Chernobyl" deixa queimaduras de radiação no cérebro dos seus leitores.»
    Julian Barnes, The Guardian

    Escolhas dos nossos vendedores

    Magda Soares FNAC Almada

    Vozes de Chernobyl. Svetlana Alexievich

    O que levou à explosão do reator nuclear de Chernobyl no dia 26 de Abril de 1986? Conheça a história por detrás de um dos maior desastres do século XX através de testemunhos de pessoas que o viveram.

    Gonçalo Oliveira FNAC Faro

    VOZES DE CHERNOBYL. Svetlana Alexievich

    A autora,NOBEL da Literatura em 2015, conta-nos a história das centenas de pessoas, bombeiros, cidadãos, militares, médicos, que viveram o pesadelo de 26 de Abril de 1986, o desastre nuclear em Chernobyl. Este é o testemunho duro e implacável de uma calamidade que o regime tentou abafar..

    Comentário dos nossos experts em Livros Vozes de Chernobyl

    Características detalhadasVozes de Chernobyl

    • Autor Svetlana Alexievich
    • Editor Elsinore
    • Data de lançamento fevereiro 2016
    • EAN 978-9898831828
    • ISBN 9789898831828
    • Dimensões 15 x 22 cm
    • Nº Páginas 336
    • Encadernação Capa mole
    • PNL Idade 15-18 anos
    • PNL Idade Maiores de 18 anos
    • PNL Nível de Leitura Leitura Fluente

    OUTRAS OBRAS de Svetlana Alexievich

    OPINIÕES DOS NOSSOS CLIENTES Vozes de Chernobyl

    Condições de Utilização
    5/5
    • 1
      0
    • 2
      0
    • 3
      0
    • 4
      0
    • 5
      2
    Opiniões Verificadas
    5 Essencial Publicado em 27 jun 2019

    Se querem compreender o que aconteceu em Chernobyl, leiam este livro. São testemunhos duros e crus, mas essenciais para que a história não se repita!


     Este comentário foi útil?

    Opiniões Verificadas
    5 Uma história real... Publicado em 23 mai 2019

    Relatos verídicos de quem viveu este acidente. Uma história que faz pensar sobre a energia nuclear... Será que compensa?... Recomendo!


     Este comentário foi útil?

    Ver também